fbpx
Citroen AMI
Citroen AMI: Ideal para a mobilidade urbana / Crédito: Citroën UK

Citroen AMI: a nova Revolução Francesa

Citroen AMI: Tal qual a Revolução Francesa do final do século XVIII, que transformou radicalmente as relações sociopolíticas das sociedades pelo mundo, os franceses querem mais uma vez revolucionar, ou melhor, erradicar de vez a poluição ambiental privilegiando o uso de carros elétricos a partir de seu país. Para isso, o pessoal da Citroën lançou o Ami. Não é uma supermáquina. Mas, é prática, confortável e cabe no bolso de muita gente.
Texto: Eder Hashizume
Imagens: Citroën UK
Mais de uma dezena de customizações com seus acessórios em várias cores / Crédito: Citroën UK

Citroen AMI - Uma revolução sobre rodas

A Citroën sempre procurou estar um passo adiante de seu tempo. Fundada por André Citroën em 1919, quase 17 anos depois, lançou o primeiro automóvel com tração dianteira do mundo. Em 1948, lançou o popular Citroën 2CV, alcançando tremendo recorde de vendas. Os carros da marca francesa também foram conhecidos por conquistar dezenas de títulos em corridas de rally e gran turismo pelo mundo. Mais uma vez, revolucionaram ao lançarem o Ami.

AMI Citroen
Qualquer tomada de 220V serve para recarregar a bateria do Ami / Crédito: Citroën UK

Praticidade e economia do AMI

O simpático Ami é um carro elétrico. É ideal para movimentadas cidades onde, mais que velocidade, é exigido mobilidade. Muito prático, ele alcança 45 km/h. Está equipado com uma bateria de 5,5 kWh. Não necessita de um recarregador especial. Segundo os padrões franceses, qualquer tomada de 220V serve para recarregar a bateria. A recarga total pode ser feita em apenas três horas, permitindo uma autonomia de 70 km. Por tanta praticidade, era de se imaginar que os projetistas da Citroën relaxassem com o quesito conforto. Pelo contrário. O Ami é extremamente aconchegante para um carro de dois lugares com apenas 2,4 metros de comprimento. Perfeito para os dias nublados e frios de Paris, ele é fechado e aquecido. A luminosidade do painel e das luzes internas lhe confere um ar agradável. Dá para fazer mais de uma dezena de customizações com seus acessórios em várias cores.

AMI Citroen
O simpático Ami é um carro elétrico da Citroën / Crédito: Citroën UK

O melhor de tudo é seu preço. Na França, o modelo elétrico será vendido por apenas 6.000 Euros ou 720 mil ienes. Isto porque, o governo francês oferece um subsídio de 900 Euros (cerca de 110 mil ienes). Portanto, o Ami, se chegar ao Japão, deverá sair da fábrica por 830 mil ienes. Com os impostos, não deverá ultrapassar um milhão de ienes. No país da melhor cozinha do mundo, o interesse e a lista de espera estão aumentando. A Citroën deverá entregar as primeiras unidades ao público já em junho deste ano.

 

Gostou da matéria? Você pode ver mais matérias desse tipo em nosso Portal de Automóveis

Autor

Foto Eder Hashizume

Eder Hashizume

Eder é jornalista veterano e professor no Japão

Veja também

Escolha seu idioma